sexta-feira, 30 de março de 2012

Tarefa de casa

A escola das crianças me mandou uma tarefa de casa, já preparando as coisas para o dia das mães... Eu tinha que identificar uma canção que tivesse marcado a minha relação com meu filho. E, assim, quem me conhece, sabe como eu sou vinculada às palavras e às letras das canções. Foi muito fácil pra mim identificar a música que marcou minha primeira gravidez porque ela foi repetida em muitas ocasiões e inspirou o título do blog antigo.

Foi um período de muitas mudanças: de repente, eu estava em outra vida, com filho, marido, formada, pagando conta... De repente MESMO!!! Parecia que eu tinha sido catapultada para uma outra realidade em que tudo se encaixava perfeitamente e me fazia muito feliz. Nasceu um sol e um bebê. Nasceu Matheus. Nasceu um casal, uma mãe e um pai. Nasceu um capítulo bom de se contar e de se lembrar. Eu vivia a plenitude da alegria e colhia doces momentos no meu cotidiano, eu tinha certeza de que não queria merecer outro lugar e que nada foi em vão. Então, porque não ouvir?


"Suspenderam a viagem
Fui parar em outro trem
Que beleza de paisagem
Fomos rumo a Belém
Agora que é tempo
Colher fruta madura no vento
Pequi não sai do meu pensamento
Bacia cheia de manga bourbon

Nasce um sol, nasce uma noite
E um menino também vem
Que beleza de paisagem
É meu filho e passa bem

Agora é tarde, não dá para adiar a viagem
João tem três anos de idade
Não quero merecer outro lugar

Volto quem sabe um dia
Porque os trilhos já tiraram do chão
Olho as tardes, vivo a vida
Nada é em vão"

(Viagem - Vanessa da Matta)

2 comentários:

Debby disse...

Nossa Celi.. que lindo
E realmente tem algumas canções que são verdadeiras poesias né : e tudo a ver com a nossa realidade.
Adorei o post.
Bjs
Debby :)

brunadildeberg disse...

Eita que esse álbum inteiro da Vanessa da Mata tem história... e essa música é linda demais.
E por mais que a gente pare em outro trem, a vida não para!

Beijos.