sábado, 29 de setembro de 2012

Conselho

Quando se trata das coisas do coração, a única lição que eu consegui tirar é que não podemos nos trancar. Muitas vezes, o baque que levamos é tão forte e dolorido, que tendemos a nos tornar introspectivos e incrédulos. Não vale a pena.

Quando se trata das coisas do coração, o melhor é arriscar. Se existe algo que faz cócegas no coração, que põe um sorriso no canto da boca e no fundo do olhar, se há alguém que devolve a cor aos dias mais sombrios, faz a vida leve e com que acreditemos de novo na possibilidade de milagre, se existe algo que tira o sono e permeia o sonho e com o que se acorda já pensando; existe uma grande possibilidade e tudo leva a crer de que é exatamente aí que está o perfume do amor.

Por que não se embriagar? Por que não se perfumar? Não se apegue a formalismos, a mecanismos, ao que parece ser correto. Não queira manter um imagem ou usar de alegativas para escapar pela tangente. Se existe alguém que te faz suspirar, arrisque, se entregue, se jogue inteiro. Ainda que existam muitos esparadrapos e cicatrizes no seu coração.

Não tem tempo certo para o amor, não tem hora certa para que as coisas aconteçam. Já disse um poeta, o amor é uma coincidência. E, se é mesmo um acaso do destino, que saibamos aproveitá-lo e consumi-lo e vivê-lo. Inteiro, profundo, com todas as fichas em jogo. Até porque, se é pra sofrer, a vida mesmo se encarrega disso, mas ser feliz depende muito mais de esforço e coragem individual. Eu nunca me fecho e é este meu único e mais sincero conselho.

2 comentários:

Raquel Duarte disse...

"Ser feliz depende muito mais de esforço e coragem individual". Concordo plenamente, Marcele! Acho que vc e todas as pessoas que acompanham esse blog já perceberam que a felicidade depende muito mais da gente que do acaso, da sorte ou do destino. Ela não é tão abastrata como muitas pessoas pensam por aí. Ela é possível e é real. Beijos e obrigada por tudo que tens me ensinado neste blog.

Cristiane Guimarães disse...

"Quando se trata das coisas do coração, o melhor é arriscar" . Em tudo na vida Marcelle! Continue enfrentado, se jogando.. Beijos.