segunda-feira, 28 de março de 2011

Por que não?

E se vier assim de leve, sem pesos ou amarras, sem assinaturas e expectativas, sem promessas e sem cobranças, sem termos de compromisso e sem submissão? E se vier assim sorrindo, oferecendo ombro e carinho, dando atenção e apoio, causando espasmos e aquecendo a alma? E se vier assim intenso, fazendo cambalear as pernas, cansando a mente com flash-backs, acendendo tochas de fogo onde antes era frio e escuridão? E se vier assim de repente, trazendo mais do que se pedira, surpreendendo mais que a expectativa e caminhando como que se acompanhasse a música do coração? Se chegasse fazendo cosquinhas no coração, preenchendo vazios e dividindo os pesos, soprando os arranhões e suturando feridas, fazendo mais fácil o que era insuportável? Se aparecer assim de repente, quando menos se esperava, quando a página já estava quase virada, e nem se tinha mais a intenção? Se conseguir mudar o tempo, fazer céu azul na vida, trazer raios de sol à rotina? Por que não? Por que não?

Um comentário:

Mirys + Guigo + Nina disse...

Por que não?????????

Como uma grande amiga minha me diz: SE JOGA!

Bjos e bençãos.
Mirys
www.diariodos3mosqueteiros.blogspot.com