sexta-feira, 5 de abril de 2013

20 dicas

1 – Não tenha dó de si (enfrente o que existe de difícil na sua vida).
2 – Olhe os outros pelos outros (e não pelo que interessam a você).
3 – Deixe um pouco de lado seu vício de colocar seus desejos acima de tudo.
4 – Se desapegue da necessidade de ter todas as suas vontades atendidas.
5 – Pare de perguntar a origem do seu comportamento problemático e apenas aja na direção contraria dele.
6 – Desista de tentar esquecer as pessoas que passaram na sua vida, você não tem problema de memória, apenas ressignifique a importância que dá a elas.
7 – Aprenda a se comunicar com clareza.
8 – Pare de adotar sua opinião como se fosse uma verdade universal. E assim pare de reclamar (e colocar uma lente de aumento em impasses banais).
9 – Abandone a autoilusão de que é menos do que gostaria de ser ou mais do que realmente é.
10 – Coloque o amor no seu devido lugar e pare de transformar seu relacionamento (ou a falta dele) numa ideia fixa de religião pessoal.
11 – Aprenda a ficar só e enfrentar os seus demônios.
12 – Se você que é anfitrião de sua vida não cuida dela bem não espere que os outros façam diferente.
13 – Se você ainda lamenta dizendo "tudo acontece comigo" entenda que é redundante, afinal tudo o que acontece em sua vida é realmente com você.
14 – Se sua opinião contraria a realidade, abandone sua opinião.
15 – Se a sua imaginação não corresponde aos fatos, fique com os fatos.
16 – Não tente resolver um problema do mesmo jeito que o criou.
17 – Não fique remoendo o passado, um amor frustrado ou uma oportunidade perdida, deixe a vaidade de ter controle sobre o que não tem controle de lado.
18 – Não reclame da inutilidade dessa lista se você nem tentou colocá-la em prática.
19 – Não espere resultado imediato, pois imediatismo é irmão do egocentrismo, provável causa de seus problemas.
20 – Imaginar ou se queixar que os itens da lista são distantes ou impossíveis é o mesmo que dizer "gosto do meu problema, levei muito tempo para criá-lo"


Marcele Caroline

7 comentários:

Os Mosqueteiros! disse...

Srta. Marcele Caroline:

Quer fazer o favor de voltar a escrever para nós???? Saudades de ler coisas suas...

Vim te convidar pra participar de uma blogagem coletiva especial: "10 coisas que aprendi com a minha mãe"! Em homenagem ao dia delas!!! Topa?

Bjos e bençãos.
Mirys

http://diariodos3mosqueteiros.blogspot.com.br/2013/04/10-coisas-que-aprendi-com-minha-mae.html

Cristiane Guimarães disse...

Marcele, Tudo bem?
Volta e meia abro seu blog em busca de seus posts. Que falta faz!
Volta!!

Raquel Duarte disse...

Vim engrossar o coro: VOLTA MARCELE!!! kkkkkkkk

Saudade demais dos seus textos.

Beijos! =)

Raquel Duarte disse...

Eita que ela tá demorando a voltar... Dê notícias, Marcele. Tá tudo bem por aí?

Saudades!

Mirys Segalla disse...

Eu sei... eu sei... eu sei que você anda meio afastada dessa vida virtual. Mas eu NÃO AGUENTEI em falar bem de você, no post de hoje!

Bjos e bençãos.
Mirys
http://umabaguncadeliciosa.blogspot.com.br/2014/01/essa-vida-de-blog-me-reservou-algumas.html

Luciane Lacerda disse...

Suas palavras sempre me fazem tão bem... Cmo você não está TEMPORARIAMENTE, ESPERO, escrevendo, releio sua historia que sempre me inspira e acalma a alma nos momentos de mais saudades do meu pai e do meu irmão... suas palavras são lindas! Por favor, volte a escrever...

Darinha Girão disse...

Volta!